Dia do índio: As terras indígenas contra o desmatamento

20/04/2019 03:20

19 de abril, esta foi a data criada pelo decreto-lei 5540 de 1943, Dia do Índio. Esta data serve para lembrar, reforçar, e preservar  a identidade do povo indígena. Surgiu também para que as novas gerações não esqueçam das verdadeiras raízes que formam o povo brasileiro.

A população indígena foi a  primeira a estar em solo brasileiro, antes mesmo da chegada dos primeiros europeus, O Brasil já era povoado por nações indígenas. Infelizmente, a ganância e a crueldade humana fizeram com que muitas tribos fossem totalmente dizimadas e com elas parte da cultura indígena foi esquecida. Atualmente, ainda está em curso um violento ataque a essas nações, com tristes e constantes episódios de assassinatos de populações e líderes indígenas, Segundo o último Censo Demográfico, de 2010, a população indígena constitui menos de 1% da população total do Brasil.

Um questionamento a ser levantado é: por que mesmo eles sendo os primeiros habitantes do país e formadores de parte da cultura nacional não recebem tal reconhecimento?

Não é de conhecimento geral, mas os índios protegem 30% do carbono da amazônia, e mais, as Terras Indígenas trazem benefícios ao clima e desenvolvimento sustentável do bioma. Essas comunidades  protegem e manejam 27% das florestas nacionais e 80% da biodiversidade do planeta. Em alguns pontos do Brasil, as áreas demarcadas para os povos indígenas mantêm a natureza em seu estado original. São barreiras contra o desmatamento, avanço da exploração madeireira e o  do agronegócio. Segundo relatório do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), territórios demarcados evitam emissões de 431 milhões de toneladas de gás carbônico. 

As áreas contornadas em vermelho marcam as terras indígenas, que são visivelmente  as áreas não afetadas pelo desmatamento.

Imagem para comparação, em lilás estão as áreas de desmatamento.

Contudo segue a pergunta por que não são reconhecidos? O Dia do Índio pode ser considerado como um motivo de reflexão sobre os valores culturais dos povos indígenas, o respeito a esses valores, o papel prestado por eles a sociedade e a importância da preservação.

Cronograma – 5ª Etapa presencial de validação das autodeclarações

29/03/2019 19:44

5ª Etapa presencial de validações

 Cronograma para validação da AUTODECLARAÇÃO DE PESSOA COM DEFICIÊNCIA
 Florianópolis e todos os Campi
Todos os candidatos classificados deverão entregar a documentação exigida no período de 29 de março a 1º de abril de 2019 no Departamento de Administração Escolar (DAE), pessoalmente ou via correio eletrônico para pcd.dae@contato.ufsc.br. Os candidatos dos Campi poderão entregar a documentação na Secretaria Acadêmica do respectivo Campi. Caso haja necessidade, o candidato poderá ser convocado para comparecer pessoalmente à Comissão de Validação da Autodeclaração de Pessoa com Deficiência no dia 04 de abril de 2019 na Secretaria de Ações Afirmativas e Diversidades – Corredor térreo da Reitoria 1.

 

Cronograma para validação da AUTODECLARAÇÃO DE PRETO OU PARDO (COTA PPI) E SUPLEMENTAR DE NEGRO PARA TODOS OS CURSOS
Florianópolis
Cursos Local, Data e Horário
TODOS OS CURSOS Data: 04 de abril de 2019

Local: Secretaria de Ações Afirmativas e Diversidades – SAAD Prédio da Reitoria I

Horário: 8h30 às 10h

 

Araranguá, Blumenau, Curitibanos e Joinville
Cursos  Local, Data e Horário:
TODOS OS CURSOS Data: 04 de abril de 2019

Local: Nos respectivos campi.

Horários:  13h30 às 15h

Cronograma para validação da AUTODECLARAÇÃO DE RENDA PARA TODOS OS CURSOS
Florianópolis
Cursos Local, Data e Horário
TODOS OS CURSOS Data: 04 de abril de 2019

Local: Coordenadoria de Inclusão Digital (COID) – Biblioteca Central – Térreo

Horário: 8h30 às 11h

 

Araranguá, Blumenau, Curitibanos e Joinville
Cursos  Local, Data e Horário:
TODOS OS CURSOS Data: 04 de abril de 2019

Local: Nos respectivos campi.

Horários:  13h30 às 16h