NOTA DE APOIO DA SAAD/UFSC A ESTUDANTES DA UDESC

04/04/2018 15:52

A Secretaria de Ações Afirmativas e Diversidades (SAAD) da Universidade Federal de Santa Catarina vêm a público se solidarizar com as alunas da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), na luta pela devida apuração e medidas disciplinares contra um professor daquela renomada instituição de ensino superior denunciado por assédio sexual e estupro contra estudantes mulheres.

A luta contra a violência de gênero é uma das bandeiras da SAAD, partindo do entendimento de que a Universidade deve ser saudável, propiciando relações humanas harmônicas, com hábitos e atitudes que respeitem a condição humana.

Neste sentido, não podemos, enquanto instituição formadora de cidadãos, compactuar com a violência contra a mulher. Ignorá-la é permitir a sua continuidade. Sendo assim temos, como instituição de ensino, o dever de estar envolvidas/os no combate a este tipo de violência, em todos os seus níveis, sob pena de a naturalizarmos como fazendo parte da sociedade, uma vez que ela se perpetua na história da humanidade.

O combate à violência contra a mulher se faz, portanto, urgente, pois a mesma impede o crescimento humano, abala a autoestima da mulher aumentando o risco de transtornos psicológicos dela advindos afetando a vida acadêmica da mulher universitária.

Nossa solidariedade implica em referendar a solicitação do Laboratório de Relações de Gênero e Família da UDESC e de seu corpo discente para que todos os fatos sejam rigorosamente apurados e as alunas possam se sentir seguras em frequentar o ambiente universitário.

Florianópolis, 04 de abril de 2018

Profa. Dra. Francis Tourinho

Secretária

SAAD