8 M – GREVE INTERNACIONAL DE MULHERES

07/03/2017 16:50

8m1

 

Nascido na Argentina em 2015 como resposta à onda de feminicídios (assassinatos de mulheres), que mobilizou a sociedade, o coletivo Ni Una Menos, convocou uma paralisação internacional pelos direitos das mulheres, no próximo 8 de março, dia internacional da mulher.

Sendo assim, a Greve Internacional de Mulheres, puxada por coletivos feministas e movimentos de mulheres de mais de 40 países, propõe um dia sem mulheres neste  8 de março.

Entre as propostas que incluem passeatas e manifestações políticas, um dos objetivos é o de visibilizar também o trabalho reprodutivo e não-remunerado que muitas mulheres desempenham. Para tanto, convoca-se as mulheres a pararem por um dia os trabalhos domésticos buscando torná-los visíveis demonstrando o quanto as inúmeras tarefas que assumem em seu cotidiano devem ser valorizadas. A ideia do protesto é fazer com que fique visível o impacto da falta da mão de obra feminina – ao mesmo tempo em que pautas essenciais aos direitos da mulher são exigidas, visando o fim de todas as formas de violências contra as mulheres.

Solidária com este movimento e com a luta das mulheres, a SAAD-UFSC comunica que neste dia 8 de março paralisará suas atividades  e convida a todas/os a, assim como nós, somarem nesta luta!

“Se nossas vidas não importam, que produzam sem nós”    8M Brasil

8M2